quinta-feira, 24 de março de 2011

Brincar de trabalhar ou trabalhar brincando?
É a pergunta que me vem a cabeça quando começo a pensar nesse projeto...
uma projeção de uma tarefa árdua, cheia de responsabilidades e cobranças.
Mas quando estamos ali doando nosso tempo, muitas vezes apertado e corrido,
percebo que no fim das contas estamos é ganhando!
Ganhando satisfação, ganhando aprendizado, ganhando força.
Daí que vem a certeza de que nada é uma perca de tempo...
o tempo na verdade a gente é que faz!
Ou deixa alguém fazer por você. Cada um aproveita o seu da melhor forma possível,
da maneira que lhe cabe, com aquilo que faz sentido lá no fundo...
seja sozinho ou acompanhado, dançando, comendo, bebendo, cantando, pintando,beijando, xingando, falando, sorrindo, chorando, gritando, estravasando...
Pois o meu eu que faço, quando me resta (e muitas vezes quando não me resta).
Faço questão de enchê-lo com nariz vermelho, tinta na cara, sorriso no rosto,
leveza nas pernas e... nada na cabeça!
Nada além de felicidade... é assim que descobri a minha.
É assim que descobri até onde eu posso ir para encontrá-la, estender minha mão e dizer: Muito prazer Dona Felicidade, fique à vontade!
Esse é o meu sentido. É oque faz o meu cinza ficar colorido.
O coração pulsar a cada instante que ouço gargalhadas cheias de sustos e supresas!
Achou perca de tempo?Também não sei viu...
Só sei que cada ano que passa tenho a certeza de que posso fazer
muito mais pelo meu tempo e pelo tempo do outro.
E você, oque faz pelo seu tempo? Oque faz sentido pra você??
.
Um fortíssimo abraço e uma bela noite a todos!
Jú (Produção Rí-Comigo!)

Nenhum comentário: