quarta-feira, 30 de março de 2011


“Aprendi a ouvir os outros corações bater a um ritmo diferente do meu, que cada alma tem o seu modo e o seu tempo, que amar é saber respeitar o tempo e o modo de cada um.”

.

Nenhum comentário: