segunda-feira, 28 de junho de 2010

"Esse papel não serve, Senhor Visconde.
Quero papel cor do céu com todas as suas estrelinhas.
Também a tinta não serve.
Quero tinta cor do mar com todos os seus peixinhos."
.
Memórias da Emília

Nenhum comentário: