quarta-feira, 24 de março de 2010

Um mundo de escolhas...

Existe um provérbio japonês que diz:
“Não preste atenção no que uma pessoa diz, mas sim no que ela faz”.
É tempo de deixarmos os discursos de lado e procurarmos analisar nossos atos,
nossas ações no dia-a-dia.
Pense em sua vida.
Será que você se considera um talento ou um “tá lento?”.
Existem três tipos de pessoas.
São elas:
1. Fazem as coisas acontecerem.
2. Ficam observando o que acontece e
3. Ficam perguntando o que foi que aconteceu.
Qual destes tipos é predominante em você?
Você está fazendo as coisas acontecerem ou está esperando que tudo caia do céu?
Ou pior ainda, que alguém faça por você?
O verdadeiro talento faz acontecer.
A distância entre o saber e o fazer é de um oceano.
Muitos confundem ser competitivo com ser individualista, o que é um grande erro.
A cooperação traz novas e boas experiências para todos e os dois lados acabam sendo beneficiados.
Não entre neste erro que diz:
"Isto não é da minha área, não é da minha conta".
Pergunte para si mesmo:Como posso melhorar?
Vivemos um mundo de escolhas.
Você é o grande responsável por sua vida,
escolhendo as atitudes que vai tomar e elegendo as suas conseqüências.
No meu livro “A arte de saber viver” Editora Gente eu trabalho esta questão dizendo:
"A vida não é uma coincidência, é uma conseqüência".
Essa é uma daquelas verdades que a vida, a melhor professora que existe, ensina.
Não adianta reclamar, é preciso estar ciente que suas decisões e suas ações determinam o seu futuro.
Gilclér Regina

2 comentários:

Anônimo disse...

Eu achei que essa foto, retrata o Girassol da Alegria perfeitamente. Valeu Grupo Verde

Grazi disse...

E esse é do branco! hahaha Ah, Elieserrr, manda fotinhas do verde para serem postadas no blooog tb! :D ;*** (L)