sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

"Só quem ama é capaz de ouvir e entender estrelas, porque possui em si mesmo a força infinita que produz o bailado das Galáxias". Olavo Braz Martins dos Guimarães Bilac, poeta, RJ, 1865-1918

Um comentário:

Tudo tem seu apogeu e seu declínio... É natural que seja assim, todavia, quando tudo parece convergir para o que supomos o nada, eis qu...